Promoção Deliciosos e Disfarçados

por sanson em 22 de julho de 2008
postado em Receitáculo | comentar | FEED |
Pessoal, Promoção ENCERRADA.Segunda, dia 28/07/08, publicaremos os nomes de quem ganhou e entraremos em contato com os sortudos(as).Agradecemos a todo mundo e digo que foi bem bacana ler os comentários de vocês, dar esse pulo no passado e resgatar algumas memórias é sempre interessante.

Vem muito mais promoção por aí. Abraço a todos.

O Receitáculo vai sortear 3 exemplares do livro Deliciosos e Disfarçados.

Deliciosos e Disfarçados é um livro muito interessante que conta a história real de Jessica Seinfeld, uma mãe que faz de tudo para que seus filhos se alimentem de uma maneira melhor.

Por meio de receitas fáceis e nutritivas, Jessica dá dicas e truques inovadores para fazer com que a educação alimentar dos baixinhos seja a mais saudável possível, e o melhor, de uma maneira simples e sem traumas para as crianças e para os pais.

1 - COMO PARTICIPAR?

Basta ser membro do Receitáculo, residir no Brasil, e fazer um comentarário neste post da promoção que responda a pergunta:

O que você mais gostava e odiava comer quando era criança?

3 pessoas serão sorteadas e vão receber o livro em casa. Será considerado apenas 1 comentário por pessoa para o sorteio. E nem adianta fazer vários cadastros no Receitáculo porque a gente está de olho e a pessoa estará fora da promoção.

Não é membro do Receitáculo? Tudo bem, cadastre-se então, é de graça!

2 - ATENÇÃO

2.1 - Escreva seu login do Receitáculo no campo “nome” (ou no próprio comentário) ou coloque o seu email (que foi cadastrado no Receitáculo) no campo email.

2.2 - Todos participantes precisam ter o email confirmado em nosso site. Se você ainda não fez isso, vá até suas configurações, depois clique na aba email e peça para que uma confirmação seja enviada para você.

Só assim entraremos em contato com quem faturou o livro, se o seu email não for confirmado infelizmente não temos como contactá-lo.

Caso algum ganhador não tenha o email confirmado, faremos um novo sorteio.

3 - DATAS

Início: 22/07/08 (terça)

Término: 25/07/08 (sexta)

Sorteio: 28/07/08 (segunda)

Vamos participar que vem muito mais promoção por aí!

Boa sorte!

Para dúvidas, por favor, entre em contato.

Compartilhe:

Digg it! Del.icio.us Google Bookmarks Facebook Technorati rec 6

83 Responses to “Promoção Deliciosos e Disfarçados”

  1. karinfleur Disse:

    Nossa eu odiava muitas coisas que odeio até hoje, sabe aquela coisa que não passa de jeito nenhum,são jiló,quiabo,tomate e muitos outros que se for citar aqui levaria o dia inteiro.

  2. julieinada Disse:

    Odiava ter que tomar suco de beterraba na escola, ainda mais porque era com leite. Gostava de todo resto, principalmente da sopa de feijão da cozinheira da escola!

  3. nutsjo Disse:

    Sempre amei comer bolos e tortas, especialmente os que a vó e as tias faziam. A família manda muito bem nos doces e até hoje me esbaldo =D
    Já o que eu odiava com todas as forças, principalmente porque a mãe obrigava a comer, era dobradinha. Só de sentir o cheiro já me escondia. Não adianta, não descia nem nunca descerá.

  4. Ana Lucia Nunes gomes Disse:

    Odiava uma gemada que minha mãe me obrigava a tomar todos os dias pela manhã, feito com leite fresco tirado na hora da vaca, (eca)bem quente,gema de ovo crua e canela…acho que era assim que fazia.
    Amava comer leite em pó com açúcar e um pouquinho de água. Fazia um creminho e comia com biscoito maria (bolacha doce).
    Era o meu leite condensado da época…delicioso!

  5. Tom Disse:

    Putz me lembro que odiava papinha batida no liquidificador, sempre fazia maior fuzue com a comida. Nasceu minha irmã e sempre que minha mãe preparava e deixava pra mim esfria, colocava na comida da LILI um cadela que adorava comidinha de Bebê.
    Gostava muito de Bolo com a casca da laranja achava interessante derrr… kkk

  6. Cidaaya Disse:

    Não me lembro de não gostar de algo específico, quando criança. Mas, nunca consegui comer “natô” (grão de soja fermentado) e miolo de gado. Fora isso, gostava de tudo.

  7. Cristiani Disse:

    não gosta de comer Gilo,era um gosto horrivel..amargo,mas meu pai obrigava eu e meus irmãos comerem…era a hora da tortura e eu ama comer…quiabo estarnho ,mas é verdade e tem muita gente que não gosta ,mas o quiabo sem baba não é quiabo…maravilha

  8. fernandofaria46 Disse:

    O que mais odiava: ÓLEO DE FÍGADO DE BACALHAU!!ARGH!!!!e, por incrível que pareça: mandioca frita

  9. Clarissa Disse:

    Odiava comer fígado! Não entendia como algo tão fedido podia ser gostoso… E hoje eu amo comer risoto. Ai, aquela cremosidade é algo espetacular!

  10. Cintia (Monsterbilly) Disse:

    Eu odiava cebola. Sorte que parei com essa frescura, hj em dia só não como cebola crua e sem nada acompanhando.
    O que eu mais gostava? Aí é difícil, eu gostava de tanta coisa… mas acho que churrasco, pois ela algo que eu raramente comia.

  11. Carla Ferrarezi Disse:

    Odiava bife de fígado…ECA!!!
    Amava sopa de feijão!
    Acho q as duas opções valem para os dias de hj!!!!!…
    QUERO GANHAR UM LIVRO PRA COLOCÁ-LO EM PRÁTICA COM A MINHA FLORZINHA!!!

  12. firmwza Disse:

    Bem quando criança, gostava comer banana amassada com açucar. E odiava comer fígado frito.

  13. Fábio (fabionascimento) Disse:

    Quando criança adorava comer farinha láctea com pouco leite e muito açúcar!!!
    Odiava comer jiló!!!!!
    Este livro será muito útil para educar minhas filhas gastronomicamente!!!!

    fabionascimento

  14. jorge luiz martins Disse:

    quando criança comia de tudo , ate porque la em casa eramos muita gente nao tinha muita opçao, mas o que descia meio engasgado era chuchu;;;;
    pretendo presentear meus netinhos com este livro pelo que vejo são ruins de boca , são cheios de vontade, so comem batata frita , bife e hamburgue

  15. monica squillantte vieira Disse:

    sempre fui uma pessoa boa de garfo (rsrsrs), mas não gostava quando minha mãe fazia giló, penso que giló não deveria ser servido para crianças, dá trauma, mas hoje, descobri uma receita de batidinho do giló que fica uma delicia, quero muito ganhar esse livro e aperfeiçoar meus dotes culinários

  16. Rose Disse:

    Caramba… eu não era forçada a comer o que não queria não.
    mas lembro que não gosta muito de camarão ( coisa que adoro hj!) então, sempre que tinha panqueca de camarão minha mãe fazia com queijo para mim. Não gostava de jiló… essas coisas.

    Abraços, e boa sorte para nós.

  17. ANA MARIA Disse:

    Sempre gostei de comidas bonitas e minha mãe enfeitava tudo o que fazia então…. comia até bife de fígado acebolado, pode? Mas não havia decoração que me fizesse sorrir qdo via um prato de abobrinha. Eca!!! Aquela coisa verde, mole e sem gosto de nada. Não descia meeeesmooo….

  18. jaderj Disse:

    Caramba… eu não era forçada a comer o que não queria não.
    mas lembro que não gosta muito de camarão ( coisa que adoro hj!) então, sempre que tinha panqueca de camarão minha mãe fazia com queijo para mim. Não gostava de jiló… essas coisas.

    Abraços, e boa sorte para nós.

  19. marcelo kammer Disse:

    Eu sempre detestei o fato de ser obrigado a comer miolo de boi a milanesa! Terrível! Diversas vezes….
    Entretanto duas coisas me marcaram bastante do lado positivo e que eram: Bauru com presunto, queijo prato, tomate, orégano e um pouquinho de sal no tostex e Bife a parmegiana, imbatíveis na suculência e no aspecto!

  20. Lia Mara Piccolo Disse:

    Desde pequena sempre me alimentei muito bem, mas sempre adorei bife de fígado, até hoje como prá valer, acebolado entao… Nao me lembro de nada que nao gostasse, além de jaca, báhhhh! e chá com leite, quando ía visitar as tias e madrinhas, era o cardápio preferido delas! rsrsrs!

  21. Monioque Fernandes De Luca Disse:

    Eu odiava comer alface,agrião tudo que era verde e folhoso além de legumes sempre dizia que não era lagarta e nem vaca pois se eu comesse iria virar um e não queria além do mais que não tinha gosto nenhum,hoje em dia na minha alimentação vegetais e legumes não faltam pois bem feitinhos e uma salada bem colorida e temperada enchem os olhos e dão vontade de comer sem contar que ficam uma delícia basta usar a imaginação.

  22. giselakojo Disse:

    Olhe,por incrivel que pareça,nós comiamos carne de baleia.Houve uma época em que vendiam”esse peixe horroroso,nas feiras livres,e papai nos fazia comer”.Oh vcs não imaginam como é de gosto ruim,é totalmente adocicada a carne de baleia.De resto gostava de tudo,absolutamente tudo.

    abraços

  23. Rodolfo Disse:

    Hummmm,eu sempre adorei polenta com carne moida e odiava gemadas, leite com nata…eca…Biotonico com amendoim…não gosto nem de lembrar…

  24. cupcandy Disse:

    Eu odiava comer lentilha, me dava arrepios só de pensar. E amava sopa! Sopas de qualquer sabor, me deixavam (e deixam) muito satisfeita.

  25. geraldofigueras Disse:

    O que eu mais odiava era, sem dúvida, salada na definição de mãe: folhas de alface lavadas e um pouco de sal. Meus frágeis dentes-de-leite mastigavammastigavammastigavam e o maldito hortifruti recusava-se a descer.

    O que eu mais gostava? Cheetos Bolinha! EU ADMITO!!! Poxa, se todo grande cozinheiro tem o seu podre, este é o meu. Só falta virar grande cozinheiro. E sim, Cheetos Bolinha tem cheiro de chulé, e eu não gosto mais.

  26. ana lucia camargo Disse:

    Olá pessoal!Tudo bem?
    Eu odiava quando minha mãe me obrigava a comer
    quiabo…ééééca! rs!rs!rs! Hoje eu adoro!
    Amava “ovo”,queria comer todo dia!
    Que erro…faziam agente engolir os alimentos
    a força…não gosto nem de lembrar!
    Eu contava histórias,sobre os alimentos,
    para os meus filhos…rs!rs! Até hoje eles
    lembram disso! Menos traumático…rs!rs!
    bjs!

  27. Gloria Serrano Disse:

    Eu não gostava e não gosto de leite até hoje.Se for com café, me enjoa. Minha mãe amassava banana com leite em pó e eu conseguia comer.O que eu mais gostava, e gosto até hoje, é empada de camarão.

  28. Michelle Disse:

    ODIAVA quando minha mãe me mandava comer chuchu…existe coisa mais sem graça pra uma criança comer?????
    ai ai…mas hj até q eu como…mas ainda acho sem graça…
    hohohoh…
    bejiinhus

  29. veigavi Disse:

    O que eu detestava mesmo era jiló , e minha mãe adorava, isso significa que havia quase sempre a mesa, alias até hoje ela ADORA.
    O que eu ADORAVA qdo criança e confesso que até o dia de hoje é… : a sopinha de pão que ela nós dava antes de irmos para cama.
    Aproveito para lhe dizer : “Mãezona…Obrigadão por aqueles momentos, que enquanto comiamos a sopinha de pão, vc nos contavamos o trecho da estórinha que ia nos contar naquela noite, sempre com “MORAL DA ESTÓRIA… rs!rs!rs! Bjs em seu coração minha veinha.
    É isso amigos……..
    Obrigadão pela oportunidade de relembrar , sentir o cheirinho da infância.

  30. patyborginha Disse:

    Eu gostava de fígado, porque achava que era igual carne, só que molinho :D
    E odiava o macarrão que minha tia fazia, eu enrolava pra comer e ficava frio e pior ainda…

  31. Pedro Disse:

    Odiava jilo (e ainda odeio…rs) e gostava muito de pescoço de peru! rsss

  32. Natália Disse:

    Meu Deus! Acho que o que eu mais odiava comer quando era pequena era moela cozida, achava aquele negócio a coisa mais nojenta. Acho que fica empatado com o Jiló, que eu também odiava. Hoje já sei apreciar essas duas comidas, que feitas de um jeitinho especial, ficam deliciosas.
    E o que eu gostava mesmo era de carne moida com cenoura cozida… hmmm minha boca até enche d’água!

  33. naiara Disse:

    não gostava muito de banana. a textura dela me dava nojinho. hahaha. em compensação, adorava suco de couve. eu era uma criança entranha… :)

  34. rosamaria Disse:

    Em criança detestava sopa ou melhor canja de bacalhau que era obrigada a comer em casa de uma tia nas férias.Adorava sopa,se pudesse comia só sopa.

  35. maquillage Disse:

    Ah eu definitivamente odiava CEBOLA.
    Ainda não gosto, mas mais por causa da textura, não pelo sabor em si.

    Já o que eu gostava, são tantas… mas principalmente doces. Tanto que tive que trocar os dentes de leite rapidinho pois ia na geladeira escondida e metia a chupeta no mel ahahahah.

  36. silmara_leite Disse:

    Eu definitivamente odiava ter que comer bife de fígado, e isso eu era obrigada a comer, se não comia não podia sair da mesa e assim perdia tudo o que eu poderia fazer naquele dia, era terrível, ainda mais porque sou vegetariana desde criança, e o que eu mais gostava era de docinho, brigadeiro, beijinho, quando minha mãe fazia a casa ficava com cheiro de festa!!!

  37. Rossana Disse:

    Eu adorava comer canjica e odiava comer: cebola, tomate, pimentão, todos os temperos, catava tudo do prato. Mas hoje como até pedra se colocar na mesa.

    Rossana lago

  38. Márcia Carvalho de Souza Disse:

    Eu odiava jiló, até hoje odeio, mas o meu pai obrigava a gente a comer de qualquer jeito. Só que não adiantou nada, hoje não como e pronto! Agora, o que eu mais gostava era de ovo de páscoa. Agente não podia comprar, então ficava ainda mais gostoso!!!
    romade@ibest.com.br

  39. Vanda Disse:

    eu odiava quando minha mãe pediu para ir na padaria, mercado, farmácia. tb quando ela falava vai lavar as louças, vai arrumar a casa. E quando estava brincando na rua de pula corda, pique pega e ela falva, passar pra dentro menina, vai tomar banho (rs)

  40. Ana Cláudia Disse:

    Não suportava comer quiabo quando criança.
    Adorava comer um doce de leite que minha mãe fazia.

  41. Gerusa Wasum Disse:

    Bom, eu não gostava de sopa. Tinha trauma de sopa em função de um tempo que precisei ficar no hospital. Minha mãe sempre fazia outra alternativa especialmente para mim.
    Adorava arroz, feijão, carne de panela e quibebe (um prato feito com moranga). Só de lembrar, dá fome. Na casa da vó Ivone, ficava melhor ainda. :-) Aroz de leite, feito por minha mãe - a sobremesa favorita.
    Tenho 3 filhos. Dois comilões e uma ‘esqueletinha’ que não gosta de praticamente tudo. Não quer carne com ‘molo’, nem ‘cemola’,nem ‘verdinhos’…nem tomate…
    Eu NECESSITO deste livro.

  42. Gerusa Wasum Disse:

    ops…digo, arroz de leite..(comi um ‘r’)

  43. erackson Disse:

    Eu odiava (e ainda odeio) comer beterraba. Em compensação, gostava de comer barro. Isso mesmo: barro. Ficava cavando a parede!
    Cada um com seu pedopaladar mais estranho que o outro. Hehe

  44. Vanessa Disse:

    Eu amava comer espiga de milho, sempre que minha mãe ia a feira ela trazia várias pra mim, comi sem parar até que acabasse a ultima, era muito bom com manteiga, até hj como, mas claro com moderação e não gostava era do cheiro de pipoca quando ia aos parques de diversão, me enjoava muito, mas hj não tenho problemas com cheiro.
    Foi ótimo participar e poder compartilhar com vcs este momento.
    bjs

  45. knienkotter Disse:

    E não comia e nem como de jeito nenhum é aipim cozido. Mesmo que a receita seja Vaca Atolada, só de imaginar aqueles fiapinhos no meio da comida já perco a fome.

  46. Edy Disse:

    Caramba, nunca fui fã de carne vermelha ou de “cotovelo de galinha”. Essa idéia de comer coisas que parecem membros humanos ou naco de panturrilha nunca me apeteceram!

    Mas eu gostava e ainda gosto de filés a milanesa e um filé de peito de frango empanado que minha avó faz que é famosíssimo entre meus amigos, de tanto que eu fato dele, hehehehe.

    Ques gostos mais estranhos e contrários, não?

  47. Denise Disse:

    quando eu era criança eu adorava comer leite em pó com açucar na casa da vóvó na caneca. Mas eu não gostava de comer beterraba ai a mamãe cozinhava no feijão e batia no liquidicador; ai eu não percebia e acabava comendo.

  48. REINOEL BORGES DOS REIS Disse:

    TENHO UMA HISTÓRIA MUITO INTERESSANTE, QD CRIANÇA POBRE DE COMUNIDADE, NÃO TÍNHAMOS MUITAS OPÇÕES DE ALIMENTOS E MINHA VALOROSA MÃE FAZIA O POSSÍVEL E O IMPOSSÍVEL PARA ALIMENTAR 3 CRIANÇAS POBRES QUE SABEM VCS COMEM ATÉ PEDRA. TINHAMOS OGERIZA A *JILÓ*, ISSO DE MANEIRA NENHUMA SE COMIA LÁ NO BARRACO, QD TINHA NINGUÉM COMIA,ERA CARA FEIA, TROÇO AMARGO, ETC, ETC. MAS VEIO MINHA ADORÁVEL VÓ E UM CERTO DIA DISSE PRA NÓS, QUEM COME JILÓ FICA BONITO, FICA LINDO….RSS, A PRA QUÊ, A PARTIR DAQUELA DATA JILÓ PASSOU A SER ENTRADA, PRATO PRINCIPAL E SOBREMESA E ATÉ HJ ADORO ESSE LEGUME QUE NUNCA ME DEIXOU LINDO, ABRAÇOS.

  49. Patricia Disse:

    Quando eu era criança adorava fazer farinha láctea com pouco leite e deixar engrossando na pia. Só eu sabia fazer no ponto certo, com muito açúcar e pouco leite, de vez em qdo faço para minha filha e vem aquele gostinho de infência. Agora eu odiava bife de fígado, até hj ão suporto nem sentir o cheiro, me dá náuseas.

  50. Jane Santos Disse:

    Como eu era criança carente participava da merenda(no meu tempo só as crianças da “caixa” recebiam o alimento servido pela escola). Eles serviam uma sopa que eu chamava de “pipoquinha” que era para o meu paladar horrivel mas que tinha de comer caso contrário era excluida do benefício, mas em recompensa o dia que era servido “leite com groselha” eu ficava muito feliz e sempre dava um jeito de repetir o lanche (nota: todas as crianças só podiam ser servidas uma única vêz, mas eu sempre dava um jeitinho). Mas creia-me que apesar das dificuldades minha infância foi muito feliz e me reportar a este tempo trouxe-me um doce gostinho de saudade.

  51. vanda lacerda Disse:

    tenho um neto de 3 anos.e se eu ganhar vou abençoar minha nora com esse livro que é uma benção.

  52. sylvia klein Disse:

    O que eu mais odiava e continuo odiando é maionese:eca!
    o que mais amava era chocolate,e aliás persisto nesse amor!

  53. Suzana Disse:

    olha, sempre fui boa de comida quero dizer como de tudo mas o que eu mais odiava era a carne de porco, carreteiro e hoje como tranquilamente, aprendi a gostar e o que eu mais gostava posso dizer que praticamente tudo, mas em especial um bom bife com batata frita e ovo huuuuuuuuuuummm que delicia!!!!

  54. Carla Guterro Disse:

    O que eu não comia e não como até hoje é “Bife de Fígado”, e o que adoro comer é um delicioso e comum, bife,batata frita, arroz, feijão e ovo frito.

  55. jessica Disse:

    é facil é só a custumar des de pequeno a comer vegetais e frutas o meu filho ele come des que ele era pequeno ele come legumes e frutas e ele e forte é importante que coma feijão e ferro é muito importante para o crescimento.

  56. jessica Disse:

    eu não como nada que eu não goste mas aprendi a comer muitas coisas como vegetais e frutas.
    MÃE SABE COMO LIDAR COM OS FILHOS MINHA MÃE ME ENSINOU A COMER MUITAS COISAS,POR ISSO EU NEM LIGO SE EU VOU GANHAR O LIVRO OU NÃO POR QUE O QUE IMPORTA É O AMOR DE MÃE QUE ENSINOU A COMER MUITAS COISAS.
    OBRIGADO POR LÊ ESTE COMENTÁRIO
    OBRIGADO POR PERDER SEU TEMPO COM MIGO…

  57. gisele conde Disse:

    o que eu mais gostava de comer qdo criança era as macarronadas de domingo, com porpetas e muito queijo ralado. a familia toda reunida. muito bom. o que eu mais detestava era o bife de figado pois tive anemia. porem com o tempo fui gostando. só nao gosto de ver este prato sendo preparado. depois de fritinho, acho delicioso, mais antes nao gosto nem de olhar pro bife de figado.

  58. Ane Disse:

    Bom…qdo criança o que eu mais gostava de comer era a famosa “macarronada de domingo” assistindo o Programa Sílvio Santos. Naquele tempo a gente comia muita fruta tbém e sucos de frutas pq refrigerante ñ era tão popular qto hj. Sinto pena dos meus filhos que tiveram acesso fácil a coisas ñ tão saudáveis´qto antigamente…mas a gente ñ consegue mais fazer as crianças curtirem as frutas e legumes. E o meu voto pra comida que eu ñ gostava vai pra galinha…rs…até hj ñ tolero muito…talvez pq eu achava tão estranho minha mãe criar as pobrezinhas e depois torcer o pescoço das bichinhas, depenar, temperar e colocar na mesa…affffffffffff

  59. Claudelita Disse:

    Como minha mae enchia a mesa de verdurada e na minha casa nao tinha refri, nem doce, salgadinhos, etc. eu aprendi a comer de tudo, quando criança comia jiló, cebola, agrião, rúcula, radite, qualquer coisa memo, tanto que hoje eu adoro tudo que as pessoas em geral acham asqueroso: rabada, lingua, ostra crua, mocotó, orelha de porco, buchada e pé de galinha hahahaha

    Eu adorava miojo sabor galinha e ovo cozido. hahahahaha

    vou guardar esse livro pra quando eu tiver meus rebentos.

  60. angela maria rogerio Disse:

    quando criança comia de tudo minha mãe fazia muitas verduras e legumes tudo rea natural nada de enlatados ou refri,suco natural mesmo não tinhamos nem geladeira e tudo era uma delicia.Portanto ate hoje continuo comendo de tudo,menos as comidas consideradas exóticas ou seja as não consideradascmuns.
    amo o que é natural

  61. maria aparecida pereira fernandes Disse:

    Eu sempre adorei massas,por mim comia pão no cafe,no almoço e no jantar,até hoje sou assim.Agora o tal do arroz doce eu destestava e ainda detesto,não sei como alguem consegue comer aquilo,só de falar já me embrulha o estômago.

  62. Gi Disse:

    Detestava comer feijão… e bife de fígado…archhh…
    Hoje sou fã número um de um feijãozinho bem caprichado, bem temperadinho, mas fígado, esse ainda não vai!!!

  63. Gi Disse:

    Mas adorava mesmo era iogurtes!!! Todos!

  64. Ana Karina Disse:

    Gostava muito quando minha mãe fazia bife à milanesa ou qdo fritava espetinhos, bolinho de bacalhau, essas comidinhas de fim de semana. Também tinha suco natural todos os dias e refri era só no domingo… Ela também fazia meu lanche para levar na escola e comprar na cantina era só uma vez por semana e as frituras estavam proibidas!!! (e eu respeitava)
    Agora o que eu não gostava é muito fácil, ela aprendeu a fazer um tal de suco de clorofila, Deus que me perdoe…. era muuuuuuuuuuuito ruim!!!!

  65. leny_coutinho Disse:

    Quando criança não gostava de biotônico fontoura com ovo de pata e leite condensado, minha mãe me dava pra eu ficar fortinha.
    E como toda criança comum, adorava bife, batata frita, chips, doces e tudo de pouco saudável que existia no meu universo.

  66. Vinicius Disse:

    Eu nunca dei trabalho pra comer… mas uma coisa muito louca é que eu perdia totalmente o humr qdo minha mae fazia Strogonof… fica irritado. Como as coisas udam, é meu prato preferido.

    Eu adorava…Pure de batatas…e sopa de pacote rsrsrs

  67. Vinicius Disse:

    Eu nunca dei trabalho pra comer… mas uma coisa muito louca é que eu perdia totalmente o humr qdo minha mae fazia Strogonof… fica irritado. Como as coisas udam, é meu prato preferido.

    Eu adorava…Pure de batatas…e sopa de pacote rsrsrs

  68. kmilinha_a Disse:

    A minha mãe vive dizendo que quando eu era pequena dava muito trabalho pra comer. Mas odiar mesmo eu odeio cebola, até hoje! Adorava tomar chocolate quente! Minha mãe diz que me “criou” a base de Todynho e Guaraná! rs

  69. bianca Disse:

    Eu amava quando minha mãe fazia couve-flor empanada e sobrava aqueles pedacinhos quebrados e ela juntava ao ovo restante do empanado e fritava, fazendo um tipo de omelete de couve-flor… Bons tempos! Mas não gostava quando ela fazia miolo de boi empanado, mesmo sabendo que “era pra ficar mais inteligente”. Hahaha.

  70. naressinha Disse:

    nos, moravamos em uma chacará, e tinha muita verdura mas eu n~comia e n~como ate hj e o bendito jiló, eta coisinha amarga,(de amarga ja basta a vida ahaha).
    mas sempre gostei de arroz e feijão que minha sta maizinha fazia no fogão de lenha e o peixe frito que so ela fazia, que saudade dqueles tempo.sem mais boa sorte p/ nos.

  71. marcia barboza parreira Disse:

    eu sempre gostei de comer de tudo mas o que odiava era que quando eu ficava gripada minha mae fazia um cafe bem forte e bem quente torrava sal de cozinha e juntava a esse cafe e ainda colocava uma colher de manteiga. como o cafe tava bem quente ela derretinha. que horrivel!! tinha que tomar aquilo. ate hoje nao consigo tomar cafe por isso. e tambem quase nao faço o uso de manteigas.

  72. verafalcao Disse:

    Minha mãe era uma cozinheira maravilhosa, comia com prazer a maioria dos pratos que ela fazia, simples mas deliciosos, como o popular feijão com arroz: o arroz bem soltinho e macio e o feijão com o caldo grosso e suculento… hummm, salivei… o único alimento que odiava comer era melancia, mas quando entrei no mundo mágico da culinária, descobri o molho feito com melancia, substituindo o tradicional tomate e… me apaixonei pelo ex-desafeto!

  73. redliner Disse:

    Eu odiava moranga, e não sei como hoje eu adoro. Na verdade várias coisas eu aprendi a gostar depois de adulto, mas moranga era meu vegetal mais odiado.
    Desde cedo eu descobri que gostava de pimenta! Diz a lenda que minha mãe me pegou no quintal, sentado ao lado da pimenteira, comendo pimentas direto do pé…

  74. lucimarbolos Disse:

    Na minha infância, a verdura que não gostava,era gilo,e o liquido e café até hoje não tomo , mas adoro comer gilo. Mas sempre incentivei meus filhos à comerem todo tipo de verduras e legumas eles adoram, mas sempre diversificava, um sufle e outros eles gostam muito de saladas cruas…

  75. bobohc Disse:

    Nossa, adoraaaaaaaaaavaa chocolate, comi meu primeiro com uns 4 ou 5 meses hahaha nunca fico muito tempo sem comer doces, não existe melhor comida pra mim!!!!
    Eu não gostava de cebola, sempre cuspia quando achava uma enrustida no prato hehe. E outra coisa, couve… minha mãe sempre inventava essas coisas lindas e deliciosas que disfarçam alimentos, aí peguei gosto pelo verde, mas infelizmente uma vez minha vó fez salada e cortou pedaços grandes da bendita… acabei engasgando muito feio hahaha peguei certo trauma, mas hoje como bem (também, se não comesse morria de fome haha virei vegetariano =P)
    Abraços,
    Sejam felizes! =)

  76. Marcelo "Lelo's" Santos Disse:

    Eu sinceramente não consigo mais dizer que odeio alguma coisa, afinal, como futuro gastronomo e se DEUS quiser, gerente de alimentos e bebidas, não poderei nunca dizer que não gosto disso ou daquilo sem antes prova-lo!
    Mas… quando criança, ODIAVA verduras, só uma ou outra e em cozido! Hoje, por conta do meu curso de gastronomia, o lado positivo é que, não importa o que você use como ingrediente, fazendo BEM FEITO, com certeza ficará BOM! :D
    []s Lelo’s.

  77. Carminha Disse:

    Eu não suportava ter que comer o arroz doce da escola,mas amava a macarronada com frango que minha avó fazia no fogão de lenha e de sobremesa um bolo de fubá,que ela falava que era da marca barbante.Pois só ela sabia fazer…muito bom!!!!

  78. jennytaylor Disse:

    Odiava fígado por que achava que era carne humana rs. E sempre gostei muito de leite, chegava a tomar um litro por dia.

  79. lilian albuquerque Disse:

    oque eu mais gostava de comer era doce de banana feito em casa pela minha mãe, e odiava comer jaca e melão.

  80. Ana Cristina da Silva Reis. Disse:

    Quando criança gostava de comer carne pois demorava muito tempo mastigando, gostava somente de legumes mas sempre salagas bonitas e contendo ovo.Fígado era o terror nunca gostei ainda bem que creci e me livre dele.

  81. Daniela Disse:

    Eu mais gostava de comer oque chamava de Ovo “escolegado” era o ovo frito com gema mole que minha mãe colocava com o arroz embaixo e acabava furando a gema e aquele ouro todo coroava o arroz.

    Eu odiava comer verduras como qq criança. Mas uma vez oq eu mais odiei foi minha avó ter feito para o almoço os “frangos” que um dia foram meus pintinhos que ganhei de brinde, quando os vi na tigela temperados eu até chorei.

  82. anapurple Disse:

    Eu lembro que eu gostava muito de um biscoito de nata q minha mãe fazia,ainda na época que q a gente usava leite em saquinho,e nunca mais eu comi dps de crescida o.o
    E detestava acelga refogada(eca!)e aquele quiabo cheio de gosma,coisas q eu continuo detestando até hj,só q descobri q acelga crua é super gostosa em saladas :P

  83. thaina Disse:

    Naira eu Maria do Carmo aluna de sao gonçalo to te mandando um beijao no coraçao presiso do seu sit ta !!!
    ta ?

    conto com voce

Deixe seu comentário